Eventos - Geral


26/06/2019 a 28/06/2019

Congresso Internacional de Envelhecimento Humano

Revolução do envelhecimento humano é o tema destaque do evento que acontece em Junho, em Campina Grande

        Impresso


Congresso Internacional de Envelhecimento Humano

Abertas inscrições para sexta edição do Congresso Internacional de Envelhecimento Humano

Revolução do envelhecimento humano é o tema destaque do evento que acontece em Junho, em Campina Grande

Entre os dias 26 e 28 de Junho de 2019 acontece o VI Congresso Internacional de Envelhecimento Humano (VI CIEH) no Centro de Convenções Raymundo Asfora – Garden Hotel, em Campina Grande/PB. As inscrições encontram-se abertas.

Nesta edição, o evento traz como temática principal “Envelhecimento Humano no Século XXI: atuações efetivas na promoção da saúde e políticas sociais”, visando proporcionar o compartilhamento de conhecimentos, a troca de experiências sobre ações e programas favoráveis à promoção da saúde e políticas voltadas à pessoa idosa, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida desta população.

Podem participar estudantes de graduação, professores, profissionais, pesquisadores, idosos e demais interessados na temática do evento. As inscrições devem ser feitas até 17 de Junho de 2019 através do endereço eletrônico www.cieh.com.br com data limite para submissão de trabalhos o dia 27 de maio de 2019. Outras informações (83) 3322-3222.

O evento é promovido pelo Centro Multidisplinar de Estudos e Pesquisas (CEMEP) em parceria com a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e conta com o apoio institucional da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e da Universidade Aberta à Terceira Idade da UNEB (UATI/UNEB), da Faculdade Maurício de Nassau (Uninassau Campina Grande), do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa (CEDDPI / PB), do Conselho Estadual da Pessoa Idosa de Minas Gerais (CEI-MG), do Conselho Estadual da Pessoa Idosa de Santa Catarina (CEI-SC), do Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Sul (CRF-RS), da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público de Defesa dos Direitos dos Idosos e Pessoas com Deficiência (AMPID), da Associação Brasileira de Gerontoliga (AGB), entre outras instituições.

CONTEXTO

O número de pessoas com idade igual ou superior a 60 anos dobrará no mundo em 2050, passando para cerca de 2 bilhões, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Há uma revolução do envelhecimento no mundo e o aumento da longevidade instiga a relevância de estudos e pesquisas sobre o assunto com vistas à melhoria na qualidade de vida da pessoa idosa e garantia dos seus direitos. 







Encontrou algum erro ou conteúdo desatualizado em nosso site? - Clique AQUI e reporte para nossa área de qualidade.